(51) 99845-1392 ricardo@raifone.com.br

O mundo dos games tem estado cada vez mais presente no mundo real atraindo cada vez mais indivíduos de todas as idades. Do aplicativo de entretenimento no seu smartphone às grandes companhias de jogos, para passar o tempo ocioso ou como estratégia educacional, tem pra todos os gostos: dança, música, estratégia, combate, quizz e rpg, tudo pra oferecer a melhor experiencia virtual para quem está do outro lado da telinha e tirar uma grande vantagem com isso na hora da diversão.

 

Os games estão sendo cada vez mais consumidos no mundo a fora, com o Brasil não seria diferente. O mercado de games no Brasil vem crescendo constantemente apesar da realidade socioeconômica instável que vem se evidenciando na nossa atualidade. Entenda o porquê desse sucesso com o crescente movimento nesse mercado tão promissor.

 

A febre dos games no Brasil

Com a globalização ascendente e a conexão chegando aos lugares mais remotos do País, o Brasil tem se destacado tanto na produção quanto no consumo dos games. São milhões de pessoas conectadas aos jogos diariamente, seja no computador, console ou smartphone.

 

Campeonatos nacionais com disputas nos principais jogos são realizados anualmente, e tem ganhado cada vez mais visibilidade. Os criadores de conteúdo na internet que participam do nicho também estão tendo um grande sucesso. Isso demonstra que o mercado de games tem despertado um novo olhar no mundo dos negócios em uma ascensão que supera a crise.

 

Esse crescimento do consumo no mercado de games vem atraindo cada vez mais corporações para investir e desenvolver no Brasil.

Da mesma forma, o estado também está de olho e o mercado brasileiro abriu espaço para estimular os empreendedores da área a participar de eventos internacionais e aumentando o número de contatos no mercado e atraindo mais investidores.

 

O mundo dos games na vida real

Os jogos aplicados nas tecnologias atuais abrem espaço para um novo ramo, que vai além do lazer. São meios que incorporam outros espaços do cotidiano, como a saúde e bem-estar, educação e trabalho. O método é denominado “gamificação” e permite o desenvolvimento de estratégias para otimizar resultados.

 

Os principais recursos utilizados são a interrelação da realidade com lúdico, a competição e a conquista de “score” (pontos) para melhorar um desempenho, treinar funcionários ou como estratégia pedagógica.

 

Monetização

O ato de monetizar significa transformar um produto ou serviço em dinheiro. No mercado de games isso pode ser feito através da compra de itens dentro do jogo. São artefatos exclusivos, vidas a mais, artigos para incrementar o visual do avatar ou deixa-lo mais poderoso, além de partes do mapa e versões restritas são oferecidos e realmente vendem.

 

Outras possibilidades de gerar lucros são através de propagandas introduzidos durante o jogo, que podem variar conforme a demografia e as informações coletadas pelo próprio sistema sobre cada jogador e tem se mostrado cada vez mais rentáveis.

 

No ranking global, o Brasil está entre os quinze países que mais movimentam o mercado de games, bem amparado e com grandes expectativas para o seu crescimento. São bilhões de reais gerados por ano e a viabilização que atrai cada vez mais investidores. Esse crescimento todo apesar da crise, indica que está na hora lançar um novo olhar para empreendedorismo nacional, podendo investir nas competições que levam o jogadores profissionais para jogar no mundo a fora, visto que ao fazer essa estratégia, o empresário estará colocando sua empresa em evidência constante.

 

Então gostou do artigo, espero que sim. Deixe seu comentário com dicas e sugestões do que você quer ver por aqui!

Um abraço e até a próxima!

Dúvida? Pergunte-me